terça-feira, 19 de novembro de 2013

Se o povo de Amor à Vida fosse jornalista (versão atualizada)


Félix – é o picareta que só se dá mal, dono da frase “Será que eu botei cartucho remanufaturado na impressora do Gutenberg?”.

Valdirene – é a foca que passa a ser adestrada de acordo com os mais refinados manuais de redação e estilo do jornalismo.

Guto, Patrícia, Michel e Silvia – moderninhos, frequentam redações de swing, onde trocam de parceiros para escrever matérias a quatro mãos.

Linda – é a repórter que, ao deixar o mundinho da redação onde vivia presa, descobre que as matérias na rua são bem mais legais.

Paulinha – é a jovem dividida entre um trampo descolado em mídias sociais e um empreguinho careta de redatora de economia.

Aline – é a imprensa que se diz séria, mas adora uma manipulação.

César – é o jornalista que se diz sério, mas adora uma imprensa manipuladora.

Bernarda e Lutero – depois de décadas sem fazer uma pauta, são os editores da terceira idade que decidem reviver os bons tempos de reportagem.

Eron – é o jornalista que ora quer trabalhar numa redação convencional, ora quer ser assessor de imprensa, e ora quer as duas coisas ao mesmo tempo.

Pilar – é a publicação impressa que perdeu o poder de sedução, a autoestima, e foi trocada por uma jovem mais atraente, a internet.

Amarilys – é a repórter que roubou a pauta do melhor amigo e não devolve de jeito algum.

Paloma – é a assessora que pira ao saber que o seu release, gerado com tanto carinho e tantos superlativos, foi jogado numa lixeira de computador.


Já comprou o livro do Duda Rangel? Conheça a loja aqui, curta, compartilhe. Frete grátis para todo o Brasil.

Curta a página do blog no Facebook aqui.

3 comentários:

Letícia Prado disse...

Oi, parabéns pelo blog.. estou pensando em entrar para essa área e seu blog com seu humor ácido e depressivo ajudou pra eu chegar a uma conclusão.

Duda Rangel disse...

Oi, Letícia. Valeu pela mensagem. Espero que esta conclusão seja a melhor para você. Abração.

GABRIELA PERES disse...

kkkkkkkkkkkkkkk rí loucamente... passa no meu blog, sou foca ;D >>> http://www.observatoriodaimprensa.com.br/news/view/_ed782_o_que_nao_pode_ser_debatido_numa_democracia