sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Cenas de um Big Brother só com jornalistas


CENA 1 – CONFESSIONÁRIO / PAREDÃO

Elvis, o pauteiro: Bial, eu vou votar no assessor de imprensa por uma questão de afinidade mesmo. E essa falta de afinidade vem desde os tempos em que ele tentava me vender umas pautas furadas. Valeu? Beijo, Brasil.

Paulo, o assessor de imprensa: boa noite, Bial, boa noite, Brasil. Eu vou votar no Elvis, o pauteiro. É mais um voto de defesa, porque eu sei que esse cara não gosta de assessor.


CENA 2 – A FESTA

Erika, a colunista social: tá muito boa essa festa. Uhu! E a comida japonesa? Sensacional. E olha que de boca-livre eu entendo (dançando com um prato na mão).

Sharon, a estagiária ambiciosa: eu vou é me esbaldar, passar mal de tanto comer, porque, quando eu voltar pro jornal, só vão me dar roubada pra cobrir. Brunch que é bom, nada.


CENA 3 – DIA DE CALOR NA PISCINA

Fernanda, a editora de Economia: vou te falar uma coisa, Mônica, como jornalista é feio, meu Deus. Não tem um aí que preste. Olha só a barriga do pauteiro.

Mônica, a repórter de Moda: claro, esses caras não malham, só comem porcaria. Você queria o quê? E o Carlos, o diretor de Redação? Além de careca, aquele corpo não vê sol há uns 20 anos.


CENA 4 – PAIXÕES E TRAIÇÕES

Sharon, a estagiária ambiciosa: eu não vim pra cá pensando em me envolver com alguém, mas você é um cara que mexeu comigo, sabe? A gente não controla essas coisas do coração.

Carlos, o diretor de Redação: é o que eu digo para a minha esposa sempre: a gente não controla essas coisas do coração. Ah, pega lá o edredom, vai.


CENA 5 – O BARRACO (cena exibida só no Pay-Per-View)

Mônica, a repórter de Moda: pô, Miguel, eu não te dei o direito de roubar o meu contracheque na minha bolsa e mostrar para o Brasil inteiro!

Miguel, o fotógrafo: meu, deixa de ser fresca. Foi só uma brincadeira.

Mônica: brincadeira? Agora que todo mundo já sabe quanto eu ganho, o povo vai perguntar “é esse o glamour?”. Você não ia curtir se eu revelasse pro Brasil o saldo da sua conta bancária, ia?

Miguel: faz o que você quiser, meu. E quer saber? Pra mim, glamour de cu é rola.


CENA 6 – NOITE DE ELIMINAÇÃO

Pedro Bial (depois de um longo discurso que ninguém entendeu): ele brilhou por muito tempo, mas o jogo acabou para ele. Com 98% dos votos dos internautas, o eliminado desta noite é você, Jornal Impresso. Vem pra cá, meu guerreiro.


Já comprou o livro do Duda Rangel? Conheça a loja aqui, curta, compartilhe. Frete grátis para todo o Brasil.



Curta a página do blog no Facebook aqui.

6 comentários:

Thaís Matos disse...

AMEEEI. Principalmente a eliminação do jornal diário. Sacada ótima!!!!

Marisa Pulsone disse...

Excelente versão Rangel. Parabéns pelo blog.

Igor Alex Duarte disse...

Só assim para o Big Brother ficar interessante.
Parabéns Duda pelos textos - sempre ótimos - que conseguem mostrar com humor a vida do jornalista. Saiba que seus textos muito me ajudaram a optar por fazer o curso de jornalismo. Abraço.

Duda Rangel disse...

Thaís, Marisa e Igor, muito obrigado pelas mensagens. Igor, fico feliz em saber que, de alguma forma, meus textos te ajudaram.
Abraços a todos.

Yasmin Y. disse...

Duda Rangel sabendo o que fala desde sempre. haha
Parabéns pelo texto! E a sacada no final foi sensacional, sério.

Duda Rangel disse...

Valeu, Yasmin. Beijos procê.