terça-feira, 28 de maio de 2013

Elogio à rua


A rua deveria ser o comprovante de residência de todo jornalista.

A rua tem cheiros, ruídos, cores. Tem histórias.

A rua tem vida que pulsa, tem tragédia, repulsa, tem o cadáver na esquina.

A rua tem prosas. E muita poesia.

A rua tem os risos e os mijos do carnaval. Tem a manifestação unida jamais será vencida. Tem a repressão, a procissão. A rua tem arte, enchente, comício. A rua é um hospício a céu aberto.

A rua, como escreveu o jornalista e rueiro João do Rio, tem uma alma encantadora.


Já comprou o livro do Duda Rangel? Conheça a loja aqui, curta, compartilhe. Frete grátis para todo o Brasil.


Curta a página do blog no Facebook aqui.

2 comentários:

Muñekita Cat disse...

Olá!! encanta-me seu blog quisesse afiliarlo em meus sites e você enlaça ao mio, se aceita me responde com uma mensagem a emitacat@gmail.com
beijos!!

Emilia

Duda Rangel disse...

Emilia, no blog, não tenho lista de sites. De qualquer forma, agradeço a visita. Abraço.