segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Cachaça: o analgésico dos jornalistas


A primeira pesquisa deste blog - Você é a favor do diploma de jornalista? - foi encerrada no último domingo, marcada por uma disputa muito dura, pau a pau, do jeito que o Ronaldo Fenômeno gosta (ouvi esta piada dias desses).

A alternativa "Não. É muito caro. Prefiro gastar meu dinheiro em cachaça" ganhou com 42% dos votos, uma ligeira vantagem em relação à opção "Sim. Ele me daria direito a uma cela especial na prisão", que teve 38%. Ou seja, praticamente um empate técnico. Meu amigo Ortiz me disse que o resultado foi óbvio. "A cachaça é o analgésico dos jornalistas", filosofou. Quanto ao medo da cela comum, é aquela velha história: quem manda caluniar geral ou deixar de pagar pensão pra ex-mulher?

Uma nova enquete está no ar a partir de hoje e receberá votos nos próximos 15 dias - Qual é a manchete mais manjada do jornalismo brasileiro?. Participem. E, se vocês tiverem outras manchetes manjadas que não figuram entre as opções deste blog, não hesitem em escrever. Um grande abraço.

3 comentários:

BitterSweet disse...

Ahhh mas cachaça é tão bom... nem precisa de motivo para usufruir de seus beneficios x) E sim, tem uma manchete que vocês não colocaram... a mais atual de todas... "(insira o nome da fulaninha aqui) do BBB (insira numero da edição aqui) irá posar nua".

bpaludeti disse...

Tem uma outra manchete beeeem manjada: "Governo Lula tem aprovação recorde"...

Beijos!

The Ideas of a Vintage Doll disse...

Quando eu entrei na faculdade um primo jornalista me disse:"Jornalista ou é viado ou é alcoólatra". Fiquei um tanto quanto ressabiada, afinal, também poderia significar que eu era lésbica. Para garantir resolvi começar a beber e, bom, você sabe o final da história. rs Mas tomei uma grande decisão na minha vida: quando a mensalidade do bar ficar mais cara que a da faculdade, eu paro de estudar!
Como diria o sambista, "Eu bebo sim, estou vivendo..."