segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

O que alguns jornalistas esperam para 2011


Fábio espera ser promovido de estagiário pessimamente remunerado sênior para repórter com salário de merda júnior.

Letícia espera fazer uma especialização em Jornalismo na Espanha. Ou um mestrado em Mídias Sociais na USP. Ou trabalho voluntário. Ou mudar o corte do cabelo.

Murilo espera cobrir uma guerra no Oriente Médio, mas, se não rolar, serve um morro no Rio de Janeiro.

Sérgio espera não esperar nada para depois não se frustrar.

Tatiana espera arrumar um emprego igualzinho ao da Ilze Scamparini.

Diogo espera deixar a revista Hidráulica Moderna, chata pra cacete, e escrever sobre cinema.

Joana espera roubar todos os clientes da agência de assessoria de imprensa de seu chefe canalha e abrir sua própria agência.

Pedro espera parar de fumar, beber e se entupir de comidas gordurosas. Mas só às segundas-feiras de lua cheia.

Patrícia espera que o jornal em que trabalha não vá à falência ou vire apenas uma edição eletrônica.

Fernanda espera arrumar um namorado novo. Mas, por favor, Deus, que não seja outro jornalista.

Roberto espera fazer menos plantão. E mais sexo.

31 comentários:

Anônimo disse...

Simplesmente genial.

Johnatan Castro disse...

Acho que todos os jornalistas carregam em si todas essas vontades juntas.

Giovana disse...

Eu estou na mesma situação que Sérgio e Pedro. Mas o que me diferencia do último é o fator "comida gordurosa"; por sorte consegui me abster.


Texto real ao extremo.


:*

kell disse...

Tô com o Sergio e não abro...Prefiro não esperar nada!...Desilusão de jornalista é prejudicial a saúde! =)

A viajante disse...

Duda, diga a seu Roberto que eu compartilho da mesma expectativa(:

Carine Rocha disse...

Genial, mas um tanto cruel para uma estudande de Jornalismo como eu. hahah

Humberta Carvalho disse...

Frustrante! Mas bom demais!

Amanda Carvalho disse...

Perfeito. =)

Anônimo disse...

Eu espero um 1o emprego digno na área pra fazer valer meu diploma, meu conhecimento e meu esforço.

lidi ;) disse...

Genial!
Planos comuns.

Carolina Teixeira disse...

É isso aí...e feliz ano novo!!!

Clarissa Pacheco disse...

Me solidarizo com a Fernanda! hehehe

BV disse...

por hora é nóis Sérgio!

Natalia disse...

Tenho as mesmas resoluções que a Joana! hahaha :(
Vida dura de jornalista.

Rafael Ferreira disse...

Roberto, vamos rezar para que as coisas caminhem dessa forma... tenha fé. rs

ana.jornalista disse...

Eu assinaria como Pedro! hahhahahaha

Dedda Carmo disse...

Meu vc é apaixonante... que texto!!!

Duda Rangel disse...

Obrigado, mais uma vez, pela participação de todos. E pelas palavras de carinho. Que 2011 seja bem generoso com os jornalistas. Abraços do Duda!

Derla disse...

SENSACIONAL. Como sempre.

claudinha disse...

Estou com a Fernanda!

Tati disse...

Me identifiquei com a Tatiana e com a Patrícia... estou fazendo tantos planos p/ 2011 e espero q pelo menos um dê certo!!!

Vany disse...

definitivamente, vc é uma peça! :o)

Ricardo Welbert disse...

Muito bom. Adoro este blog. O meu, caso alguém se interesse por visitar, é http://www.ricardowelbert.blogspot.com. Abraço!

Duda Rangel disse...

Derla, Claudinha, Tati e Vany, valeu pelas mensagens. Ricardo, vou visitar teu blog. Abraços.

Talita disse...

Eu espero o mesmo que o Sérgio!

Fernanda Assef disse...

seu blog é fantastico!!! estou me divertindo horrores...

eu sou a fernanda, e arrumei um "namorado" """novo""" ... também jornalista.

acho que vou me dedicar a ser a letícia agora;) rs
parabéns pelo blog!!!

Paula Carvalho disse...

Oi, adorei seu blog! É muito bom!
Todo jornalista ou qualquer profissional passa por desilusões mesmo! Abraço.

Lu disse...

Entendo a Fernanda!

Anônimo disse...

Só não vou chamar um palavrão, por que ainda sei me controlar... kkk
MEU PAI,ESSE NÃO É O PRIMEIRO SITE/ BLOG.. que me faz desanimar, porque escolhi essa bendita profissão,antes de começarem minhas aulas,já me sinto lá em baixo,porque justo eu,não nasci com talento para: medinina,arquitetura,direito,diplomacia,caramba :s kkkkkkkkk só não desisto,porque tenho esperanças que se fizermos de TUDO,para sermos OS MELHORES,tivermos FÉ em DEUS,um dia o "trabalho dos sonhos" virá! Será que sou muito ótimista?

Mari Martins!

Duda Rangel disse...

Fernanda, Paula e Lu, valeu pelas mensagens.
Mari, se o jornalismo é realmente a tua paixão, você está na profissão certa. Dificuldades existem em todas as áreas. Sucesso.
Beijos.

Juliane Souto disse...

Tô na vibe da Letícia... " Letícia espera fazer uma especialização em Jornalismo na Espanha. Ou um mestrado em Mídias Sociais na USP. Ou trabalho voluntário. Ou mudar o corte do cabelo."
Quero tanta coisa, mas com o desânimo da profissão e a falta de grana, só sobrou mesmo a opção mais básica, cortar o cabelo... =/