quarta-feira, 25 de maio de 2011

Ciranda do Jornalista
(de A Grande Redação Mística)


Inspirada na Ciranda da Bailarina (Chico Buarque e Edu Lobo)

Procurando bem
Todo mundo tem descanso
Almoço feliz em família
Tem preguiça, folga, tem rede de balanço
Só o jornalista que não tem
Nem dia festivo
Domingo esportivo
Nem ócio criativo
Ele não tem.

Futucando bem
Todo mundo tem poupança
Ou um plano de previdência
Todo mundo tem um fundo de segurança
Só o jornalista que não tem
Nem grana escondida
Herança prometida
De tia suicida
Ele não tem.

Não livra ninguém
Todo mundo tem futuro
Riscos de menor gravidade
Tem salubridade
Emprego sem apuro
Só o jornalista que não tem
Medo de viver, gente
Medo de morrer, gente
Medo do inferno
Ele não tem.

Confessando bem
Todo mundo tem transado
Logo que o dia termina
Todo mundo tem atenção pro namorado
Só o jornalista que não tem
Fone desligado
Note desplugado
Sono relaxado
Ele não tem.

Os outros também
Podem ter a triste sina
Da mesmice ou trampo sem graça
Reparando bem, todo mundo tem rotina
Só o jornalista que não tem
Empreguinho chato
Dia bem pacato
Total anonimato
Quem não tem?

Procurando bem
Todo mundo tem...
Só o jornalista que não tem...

Procurando bem
Todo mundo tem...
Só o jornalista que não tem...


Leia também: Chico Buarque canta seus clássicos jornalísticos

Veja aqui a versão original, com Chico coçando o dedão do pé.

27 comentários:

Mariana Serafini disse...

Duda, quando achei que já tinha lido as melhores coisas da vida, aparece vc de novo com algo genial!

ri litros.



beijos

Luciana Martinez disse...

Você não existe! Só pode ser ficção!... rsrsrs

Adalberio Mota disse...

Duda, vc é fantástico!!!! Aguardo ansioso os seus textos. Parabéns pelos textos. Abraço.

Elsa Villon disse...

Nem décimo terceiro
Fim de semana inteiro
Descanso de pedreiro
Ele não tem...

Reparando bem, todo mundo tem uma vida
Só o jornalista que não tem

Raimundo Gamma disse...

sempre que posso leio seus posts, seu moço! sou estudante de jornalismo... já tem 6 anos.. rsss.
Mariana Serafin, disse tudo, moço, tudo! abraços do norte.

Mateus Ferraz disse...

mestre!!!

Leandro Silva disse...

Acho a obra original fantástica e sua paródia ficou absurdamente boa. Não é possível! Você consegue se superar...
Fica repetitivo, mas não tem como não dizer 'MUITO BOM!' quando leio. É um texto melhor que o outro!
Mais uma vez: parabéns cara! Você não existe! Seu blog já é 'leitura obrigatória'!
Abraço.

Larissa Veloso disse...

Oh Duda, só você pra me fazer ir nesta semana.
Muito boa, como sempre.

Larissa Veloso disse...

*rir, me fazer rir.
Bom, ir também.

Juliana Centini disse...

INCRÍVEL!

Jéssica Nayanne disse...

Vc precisa dar aula em faculdade!

Paulo Cezar Santos Ventura disse...

Gostei do blog, indivíduo.

Felipe Godoy disse...

Duda, você é o cara. Parabéns, seus textos a cada dia ficam melhores. Abraços.

Leo Vinhas disse...

Jornalista adora chorar e se lamentar por uma profissão que ele escolheu. Adora vilipendiar os aspectos realmente sacais da carreira. Só não gosta de se organizar para mudar isso. (sim, sou jornalista)

ANTONIO NAHUD JÚNIOR disse...

Belo blog. Parabéns.
Abração e apareça,

O Falcão Maltês

Anônimo disse...

Duda, seu blog é maravilhoso. Seu texto é limpo, lindo, sensibilíssimo. ADORO! Gostaria de ter todos num livrinho de papel e ganhar um autógrafo seu (sou das antigas). PARABÉNS!! Abs, Carla.

josé geraldo disse...

Há ainda os que cometem crime contra a própria opinião tornando-se assessores de deputados da oposição.

Duda Rangel disse...

Queridos, muito obrigado pelas mensagens tão elogiosas! Valeu mesmo.
Elsa, legal pela criação.
Abraços a todos e voltem sempre.

CarolBorne disse...

Duda, pra variar, chorei de rir (ou ri de chorar)!

Michelle Adelário disse...

Como sempre, excelente! Adoro este blog porque reflete muito bem a nossa profissão, com todas as dores e claro, as delícias!

Anônimo disse...

Perfeito, simplesmente perfeito.
E o melhor (pior?!): verídico!!!
Ri litros!

Duda Rangel disse...

Carol, Michelle e ilustríssimo Anônimo, legal que curtiram. Brigadão.

Mário Kempes disse...

Parabens... excelente... muito bom mesmo.

Duda Rangel disse...

Valeu, Mário.

Anônimo disse...

Este personagem de vocês é "o cara"!! Parabéns!!!

Duda Rangel disse...

Muito agradecido, meu caro.

Anônimo disse...

Muito bom, cara! Vou compartilhar :)